Apruma se solidariza com atingidos pelas enchentes e denuncia modelo de desenvolvimento predatório

Confira Nota da Diretoria da Apruma (Associação dos Professores da UFMA, seção sindical do Andes SN) sobre a situação dramática de milhares de famílias no Maranhão e pelo país. Para o sindicato, as tragédias são fruto de “um modelo de desenvolvimento centrado nas monoculturas, na destruição dos biomas e matas, no barramento dos rios e na expropriação ou extermínio das populações ribeirinhas” .

A Apruma cobra ação do poder público, bem como vem contribuindo, dentro de suas possibilidades, com as vítimas (como as doações feitas recentemente no município de Grajaú) e conclama sua categoria a “também contribuir para aplacar o sofrimento das famílias atingidas”.

Confira a Nota APRUMA 01/2022

A Diretoria da APRUMA – Seção Sindical do ANDES – Sindicato Nacional se solidariza com as milhares de famílias desabrigadas pelas severas chuvas dos últimos dias em vários municípios maranhenses.

Além das chuvas fortes, as barragens, que em períodos de aumento pluviométrico têm as comportas abertas, o que faz aumentar o volume de água que inunda ainda mais os leitos dos rios, vêm causando transtornos e desabrigando milhares de famílias no Estado.

A Diretoria da APRUMA denuncia e cobra do poder público que fiscalize, monitore e responsabilize as empresas operadoras das barragens que, neste período, estão despejando milhões de metros cúbicos de águas sobre as populações ribeirinhas, e que invistam recursos urgentes afim de minorar situações de riscos como as enchentes, bem como executem planos de acolhimento das famílias e reconstrução das suas casas.

Neste momento de calamidade, em razão não somente de fenômenos naturais, mas também e, principalmente, pelo modelo de desenvolvimento centrado nas monoculturas, na destruição dos biomas e matas ciliares, no barramento dos rios e na expropriação ou extermínio das populações ribeirinhas, a Diretoria da APRUMA, além de solidarizar-se com as populações desabrigadas, segue realizando doações de alimentos, e convida toda categoria docente a também contribuir para aplacar o sofrimento das famílias atingidas.

São Luís, 12 de janeiro de 2022

Diretoria da APRUMA – Seção Sindical

Gestão 2022-2024

Confira a nota no site: http://aprumasecaosindical.org/2022/01/12/apruma-se-solidariza-com-atingidos-pelas-enchentes-no-maranhao-e-denuncia-agentes-do-modelo-de-desenvolvimento-que-favorece-essa-situacao/

Imagem destacada / Vítimas de enchentes no Maranhão / capturada no jornal O Imparcial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *