Flavio Dino opta por Carlos Brandão, mas amplia o diálogo com a base até o fim de janeiro

O governador Flavio Dino (PSB) comunicou pelas redes sociais o resultado da reunião entre os 13 partidos aliados, realizada na noite de hoje (29). Em síntese: o candidato do Palácio dos Leões é Carlos Brandão, mas uma nova reunião será realizada no final de janeiro de 2022.

Até lá, os partidos e os pré-candidatos devem dialogar diante do novo cenário e vão em busca de viabilidade política e eleitoral. O governador deixará o cargo em abril de 2022 para se candidatar ao Senado. Na condição de vice-governador, Carlos Brandão assume o comando e pode ter o seu nome definitivamente avalizado na reunião de janeiro.

Aparentemente não houve fissuras na reunião de hoje. Todos os pré-candidatos se manifestaram nas redes sociais respeitando a escolha do governador.

O senador e pré-candidato Weverton Rocha (PDT), no entanto, afirmou que o seu projeto de ser governador segue em frente. Caso o nome do vice-governador seja mantido para a sucessão de Flávio Dino, estará configurado um racha liderado pelo senador pedetista, tornando-se o nome mais forte na oposição ao grupo dinista.

Felipe Camarão, atual secretário de Educação do Governo do Estado e pré-candidato pelo PT, afirmou que a reunião liderada por Flávio Dino foi “democrática”. “Seguiremos em busca da união e consenso. De minha parte continuarei dialogando com nossos aliados, com os partidos, com nossa militância e com nossa base. Nossa caminhada continua e será reavaliada em encontro da executiva do PT”, destacou Camarão em um tweet.

Uma ala do PT cogita Felipe Camarão para vice de Carlos Brandão. A vice seria disputada também pelo deputado estadual petista Zé Inácio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *