Minha tréplica a Gastão Vieira

Depois da postagem PT deve enquadrar Gastão Vieira, o ex-parlamentar recém filiado ao PT reagiu na rede social Instagram, reiterando a sua violência verbal contra a professora da UFMA e militante do PT Mary Ferreira.

“…ela me bateu como homem e queria apanhar como mulher”, disparou Vieira.

Na sua réplica, o político também me acusou de desinformação.

Para colocar os fatos no devido lugar, segue a minha tréplica:

Prezado @gastaovieira, o senhor é mesmo um político afortunado. Quase tudo q alcançou foi às custas de um sistema perverso q se instalou no Maranhão por quase 50 anos. Nessas cinco décadas, crianças morreram de fome, jovens tiveram futuros abortados e idosos penaram para sustentar suas famílias. O senhor, nesse sistema perverso, foi deputado várias vezes, secretário de Educação e até ministro...

Em toda a sua vida de político profissional o Maranhão viveu na miséria e segue nessa lástima sem que o senhor desapegue do poder, qualquer que seja o governo, oligarca ou comunista!

Agora está filiado PT, mas votou nas pautas bolsonaristas porque é a sua natureza política. O senhor não tem como negar as suas origens e o seu lado. Agora é Lula por conveniência, mas sua forma de pensar, votar e agir é típica desse primitivismo político que assola o nosso país.

É nesse contexto que o senhor responde grosseiramente e agride com palavras a professora e militante Mary Ferreira porque ela ousou fazer-lhe uma crítica.

Como o senhor é acostumado a ser mandão e teve todas as facilidades na vida (cargos, mandatos, privilégios e ministério etc) jamais vai admitir qualquer crítica, ainda mais vindo de uma professora, algo que os bolsonaristas originais desprezam duplamente: mulher e trabalhadora da Educação.

Como político afortunado e privilegiado, o senhor jamais será expulso do PT e nem sofrerá do partido qualquer retaliação. É até capaz de virar ministro no eventual governo Lula, mesmo tendo votado nas pautas bolsonaristas.

Fico por aqui (apenas por enquanto) e reitero minha solidariedade não só à professora Mary Ferreira, mas a todo o povo do Maranhão que sofreu e segue penando porque políticos profissionais como o senhor ajudaram a manter a desigualdade, a fome, a violência e o autoritarismo que impedem o processo civilizatório.

Imagem destacada / Gastão Vieira em reunião na Câmara dos Deputados / Foto capturada em Flickr

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.