Reportagens abordam violência contra povos tradicionais no Maranhão

Matérias produzidas em parceria com o fotógrafo Gui Christ foram publicadas na Agência Mongabay e no portal Público, de Portugal. Veja as resenhas e os links:

Texto de Ed Wilson Araújo e fotos de Gui Christ.

A reportagem aborda cinco anos do Massacre dos índios Gamella, ocorrido em 2017; assassinatos de camponeses em Arari; e a fuga dos peixes nos campos naturais de Santa Rita, Anajatuba e Itapecuru-Mirim, em decorrência da instalação de uma linha de transmissão da empresa de Portugal (EDP Energias).

Na Amazónia, as redes têm cada vez menos peixe: “O nosso principal rendimento está acabando”

A pressão do agro-negócio, da siderurgia, mineração e da produção de energia sobre territórios e recursos hídricos tem vindo a provocar uma avalanche de violência e impactos ambientais na Amazónia maranhense. Pescadores apontam o dedo às torres eléctricas da EDP Energias do Brasil, que refuta as acusações.

https://www.publico.pt/2022/05/20/p3/fotogaleria/na-amazonia-redes-tem-cada-vez-menos-peixe-o-nosso-principal-rendimento-esta-acabando-408122

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.