Livro “Transas da Contracultura Brasileira” pode ser acessado nas versões impressa e digital

Obra está disponível nas livrarias AMEI, Poeme-se, no Chico Discos ou nos sites da Estante Virtual e da Amazon

“Transas da Contracultura Brasileira” (Editora Passagens; 336 p.), organizado por Patrícia Marcondes de Barros e Isis Rost, chega em versão impressa.

O livro traz uma reunião de entrevistas, depoimentos e textos de figuras expressivas da época (Maciel, Chacal, Macalé, Régis Bonvicino, Cesar Teixeira, Murilo Santos, Edmar Oliveira), além de ensaios de pesquisadores tratando de temas variados, que vão da imprensa alternativa à cena punk em Teresina, passando pela poesia marginal de Ana Cristina César, o cinema experimental da Belair, o Movimento Tropicália, o som do Módulo Mil, o LABORARTE em São Luís e a Geração GRAMMA teresinense.

Conta também com a participação de poetas (Celso Borges, Durvalino Couto, Cesar Carvalho, Dyl Pires e Danilo Lopes), tudo embalado num verdadeiro show de imagens. Pode ser encontrado nas livrarias AMEI, Poeme-se e no Chico Discos ou nos sites da Estante Virtual e da Amazon. A versão colorida em e-book está disponível gratuitamente no blog da editora Passagens (links na descrição). Vale a pena conferir!

Descrição

TRANSAS DA CONTRACULTURA BRASILEIRA

Patrícia Marcondes de Barros e Isis Rost (orgs.)

Ed. Passagens, 2020 / brochura formato 16 x 23 / 336 p.

E-book Gratuito:

https://editorapassagens.blogspot.com/2020/07/transas-da-contracultura-brasileira.html

Impresso:

https://www.estantevirtual.com.br/livros/patricia-marcondes-e-isis-rost-orgs/transas-da-contracultura-brasileira

ou na Amazon (abaixo)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *