Memórias futebolísticas do Apeadouro: Célio “Batata”, o craque do Maranhão ao Piauí

Na rua Padre Manoel da Nóbrega, uma das principais vias do Apeadouro, mora um dos maiores craques do futebol do Maranhão: Célio Rodrigues, conhecido nos campos e na torcida como Célio “Batata”, apelido vinculado à panturrilha avantajada.

Celio Rodrigues iniciou a carreira aos 16 anos de idade, no juvenil do Esporte Clube Nacional, time da rua do Norte, no Centro de São Luís. Depois jogou no extinto Vitória do Mar (1967); Sampaio (1968); Tiradentes, do Piauí (1973); e Moto (1977). Ele foi campeão maranhense pelo Sampaio, Moto e MAC e tricampeão pelo Tiradentes. Ganhou também vários torneios locais e interestaduais.

Atualmente Celio Rodrigues é vice-presidente da Escolinha de Futebol Associação Ponte Preta, localizada na comunidade Bob Kennedy, no Araçagi, em São José de Ribamar, onde atua como técnico de futebol na preparação de adolescentes e jovens.

Na sua coleção de títulos está o Campeonato Brasileiro da Série B, em 1972, pelo Sampaio Corrêa.

Uma das principais conquistas de Batata foi pelo Sampaio Corrêa

Batata jogou no antigo estádio Santa Izabel e no Nhozinho Santos. Atuando pelo Moto, o lateral protagonizava duelos memoráveis contra o ponta “Bimbinha”, atacante do Sampaio Correia.

Naquela época os carrinhos de Batata faziam o pequeno veloz “Bimbinha” voar, como se fosse um malabarista de circo.

Em 1967 Célio Rodrigues ingressou no extinto Vitória do Mar e em 1968 já estava jogando no Sampaio. Naquela época Célio Rodrigues era soldado do Exército (servia no 24º Batalhão de Caçadoes) e compatibilizava a vida militar com os gramados.

Célio Batata curtindo um passeio de parco em Belém do Pará

Posteriormente, ingressou em outros times “grandes” como Moto, Maranhão Atlético Clube (MAC) e Tiradentes, do Piauí. Colecionador de vários títulos, Célio Rodrigues parou de jogar no início da década de 1980. Hoje vive com a família na mesma rua do Apeadouro, onde é sempre lembrado pelos vizinhos e para dar entrevistas sobre os bons tempos da sua atuação no futebol.

Imagem destacada: time do Moto Club campeão maranhense em 1977. Em pé: Cenilson, Vivico, Irineu, Tião, Célio Rodrigues e Beato. Agachados: Paulo Cesar, Adãozinho, Toninho Abaeté, Edmilson Leite e Léo.

Imagens capturadas neste site (Futebol Maranhense Antigo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *