Natalino quer pênalti

Depois de tentar, sem sucesso, candidaturas de prefeito de São Luis, deputado e senador, o ex-reitor da UFMA, Natalino Salgado Filho, anda testando sua popularidade. Anuncia nos corredores e celulares que será candidato a reitor nas próximas eleições. Será que ele tem o aval da atual reitora Nair Portela ou já é um racha?

É certo que ele não intervém na administração superior como gostaria. Mas, recebeu um cargo de pró-reitor em um órgão que não existe de fato na UFMA para ficar à vontade no Hospital Universitário.

Chega a ser trator demais articular candidatura a magnífico sem saber se a reitora atual vai disputar um novo mandato. Ousadia e vaidade além da conta podem ser perigosos, já dizia o poeta Gregório de Matos, finalizando assim: “penha a nau, ferro a planta, tarde a rosa?”.

É fundamental observar o passado e o futuro no processo eleitoral da UFMA. Nem tudo foram flores na gestão anterior.

Com os prédios inacabados se deteriorando e alguns de seus auxiliares sendo processados, como no caso do elefante branco da Biblioteca Central (foto), ele tem mesmo de pesquisar sobre sua popularidade.

A eleição será em 2019, mas pelo que rola nos bastidores o ex-reitor já entrou em campo. Resta saber se combinou o jogo com os aliados e conhece o esquema tático dos adversários.

No campo, estão em aquecimento o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Allan Kardec; o vice-reitor, Fernando Carvalho; e o comandante da Assistência Estudantil, João de Deus. Allan Kardec pilota a Pró-Reitoria mais poderosa, que foi tirada de Fernando Carvalho.

Foto: Marizélia Ribeiro

6 comentários sobre “Natalino quer pênalti”

    1. Interessante para a população seria o excelentíssimo Senhor Natalino responder porque o Hospital Universitario,o carro-chefe da sua grande capacidade administrativa,ter pacientes de 3 a 10 anos,em fila de espera para cirurgia,ter diariamente uma media de até 30 leitos desocupados enquanto os socorrões e as UPAs precisam de leitos,porque há 35% de suspensões das cirurgias programadas no Dutra,porque se espera meses para realizar uma tomografia,e receber laudos. Se o digníssimo se preocupasse menos em se eleger e mais com o seu trabalho faria bem….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *